• Diferença de valores entre tarifas contratadas e cobradas em contas telefônicas;
  • Contrato com valores maiores do que os praticados pelo mercado;
  • Falta de controle e/ou imposição de limite de gastos entre os colaboradores;
  • Falta de relatórios com demonstração clara e objetiva dos custos e consumos;
  • Identificação de uso abusivo para fins particulares;
  • Custos em telecomunicações transcendem a área de TI e podem estar distribuídos na organização;
  • Não uniformidade na forma, conteúdo e apresentação das contas em papel e eletrônicas;
  • Contas de telecom são extensas, difíceis de ler (e interpretar) e raramente são apresentadas em formato eletrônico (quando apresentadas, seu manuseio é complicado)

Abaixo escopo resumido do trabalho da Alditel:

 

 

Go to top